SOLUÇÕES EM CONTABILIDADE

E num momento em que o mundo, sociedade e empresas encontram-se em mudança, nós da
DMF estamos mais do que preparados. É hora de gerir, retomar e sustentar os negócios.

Se sua empresa tem alguma dificuldade, oferecemos soluções em consultoria empresarial, planejamento tributário, gestão financeira, consultorias e auditoria num processo focando nas áreas críticas e nas ações para viabilizar essa retomada dos negócios.

Consultoria Tributária: Mostra onde a empresa pode otimizar seu pagamento de impostos, a fim de reduzir custos e prevenindo crises financeiras. Por acompanhar as mudanças legislativas, a consultoria tributária ajuda também no planejamento e gestão da sua empresa.

Consultoria Contábil: O profissional aconselha sua empresa a forma de administrar seus
recursos financeiros em relação aos recolhimentos de impostos. Também analisa livros de
contabilidade, fluxo de caixa, controle de custos entre outros.

Consultoria de custos: Avalia se os gastos mensais da sua empresa estão de acordo com o que foi de fato gasto e constrói um processo de cálculo de custos que se adeque a sua empresa de acordo com o setor e suas particularidades.

Buscamos nos antecipar as tendências do mercado e fornecendo dados atualizados e concisos utilizando a tecnologia, sem renunciar às técnicas e estratégias que cada setor demanda. Tudo isso nos permite trabalhar com seriedade e oferecer o melhor serviço em soluções empresariais.

Nosso objetivo é sempre evoluir como empresa oferecendo o máximo de excelência em busca da satisfação de nossos clientes. Conte com a DMF para assumir o processo de gestão financeira do seu negócio.

Assessoria Tributária

Um excelente serviço de assessoria tributária torna-se um diferencial na sua empresa potencializando os resultados alcançados. Muitos proprietários, donos de negócios e empreendedores elaboram diversas estratégias para aumentar o lucro obtido, mas não dão a devida atenção aos tributos que de certa forma representam um gasto mensal considerável dentro da empresa.

Todavia somos uma nação que tem um dos mais complexos sistemas tributário e fiscal, sendo nesse sentido, imprescindível a figura de profissional que esteja atento as mudanças que ocorrem na legislação para que sua empresa não corra o risco de sofrer notificações ou processos por conta de omissões ou erros.

Portanto, sua empresa precisa de uma consultoria contábil para ter êxito. Sendo esses profissionais especializados não só em atividades que demandam alto grau de complexidade, mas que trabalham com auditoria, seguro, previdência, perícia contábil, controladoria e capitalização de investimentos.

Nesse quesito a assessoria tributária é um serviço que não só analisa a apuração dos tributos de uma empresa de acordo com sua localização, segmento de atuação, receita bruta, folha de pagamento, etc. Ela também serve como forma de mitigar riscos, através de planejamento e compliance fiscal.

Ou seja, ela irá buscar o melhor caminho para que você pague tudo em dia e ainda economize dinheiro com isso. 

Já a assessoria tributária online permite que você faça isso de qualquer lugar, dentro do seu tempo livre e sem maiores preocupações. Dessa forma fica mais fácil identificar oportunidades e se preparar para situações mais graves, além de manter a empresa sempre atualizada quanto às frequentes alterações na legislação. Quer saber mais? Fale com a gente!

Entenda o papel da contabilidade gerencial em tempos de crise

A crise chegou, e agora? Como a contabilidade pode me salvar?

O primeiro ponto a ser levado em consideração é que a contabilidade não deve ser tratada apenas como extintor de incêndios, ela é um dos pilares que podem fortalecer a base da sua empresa antes, durante e depois dos momentos de crise.

Minha contabilidade é um CAOS – para onde eu vou agora?

Você conhece a contabilidade gerencial? Ela é uma das vertentes da contabilidade e a grande vantagem dela é que você será auxiliado pelos números reais do seu negócio na hora de tomar decisões.

É o momento de analisar o cenário real da sua empresa? Com toda certeza! É preciso fazer um levantamento apurado dos números. Que vai contemplar sua política de vendas, fluxo de caixa, processo de compra de produtos, tributos e impostos devidos, departamento pessoal, entre outras informações vitais do seu negócio. 

De certa forma, com a prática da contabilidade gerencial, o principal benefício é pensar em estratégias a longo prazo, a partir do resultado de informações que facilitam encontrar as melhores respostas para cada problema ou oportunidade da sua empresa.

A contabilidade gerencial contribuirá também para tirar a névoa sobre o futuro do mercado que você está inserido e te ajudará a ler com mais clareza quais deverão ser os próximos passos, incluindo toda a cautela necessária nesse processo.

Para que a empresa se desenvolva e se coloque de forma competitiva no mercado, são necessários o desenvolvimento de processos e o planejamento estratégico. Como consequência, poderá haver um entendimento claro das informações contábeis para alcançar o equilíbrio financeiro.

Que tal saber ainda mais sobre como a contabilidade pode vencer esse desafio para você? Fale com a gente e saia na frente!

Como calcular preço de venda por markup e margem de contribuição?

Você considera o percentual dos impostos no seu produto?

Essa é só uma das várias questões que perpassam a precificação de um produto/serviço, se forem desconsideradas, irão sair do seu bolso ou diminuir o lucro da empresa.

O que é o Markup?

Markup é uma metodologia de precificação com base no custo. Seu cálculo é muito prático, por isso ele é muito utilizado. O Markup garante que o preço final do produto cobrirá todas as margens de custo fixos e variáveis e que cada produto terá uma margem de lucro adequada.

Já a Margem de Contribuição, ou ganho bruto, representa o quanto o lucro da venda de cada produto contribuirá para a empresa cobrir todos os seus custos e despesas fixas e ainda gerar lucro. Com base nisso você pode calcular a quantidade mínima de produtos que precisará vender.

Objetivo e benefícios do Markup

O objetivo principal de utilizar o Markup é poder precificar o seu produto e/ou serviço de maneira que sejam sanadas todas as necessidades do negócio.

Ou seja, o preço de venda é definido de maneira que cubra todos os custos e despesas para aquisição ou produção de seu serviço ou produto.

Processo de cálculo do Markup

Para realizar o cálculo do índice de Markup a ser aplicado na precificação, é preciso conhecer os seguintes elementos:

Fixas (DF), que não são diretamente ligados ao produto ou serviço, como despesas administrativas, financeiras, e etc.

Despesas Variáveis (DV), são aquelas ligadas diretamente ao processo de venda, como Impostos sobre o produto, Comissões, etc

Margem de Lucro Presumida (MLP), que é a margem de lucro esperada sobre a venda do produto.

A partir desses três indicadores é calculado o índice markup, que segue a seguinte fórmula de cálculo:

100/[100-(DF+DV+MLP)]

O seu principal benefício está diretamente relacionado ao seu objetivo principal.

Precisa de ajuda para chegar à precificação ideal dos seus produtos? Fale com a gente!
Salvador: (71) 2107-5810
Muritiba: (75) 3424-2352
Serrinha: (75) 3261-0233
Aracaju: (79) 3302-6338

Você sabe a diferença entre Distribuição de lucros e Pró labore? Confira aqui!


O pró-labore é o salário que o dono da empresa recebe por trabalhar nela. A distribuição de lucros está relacionada ao investimento que se fez na empresa, ou seja, é a maneira de o empreendedor ser recompensado por ter seu capital investido na firma e pelos riscos que assumiu, quer trabalhe na empresa ou não.

Os dividendos são proporcionais ao valor que cada investidor colocou na empresa. Por exemplo, se o capital social é de R$ 100 mil e um dos sócios investiu R$ 70 mil e, o outro, R$ 30 mil, o primeiro ficará com 70% dos lucros, enquanto que o segundo terá direito aos 30% restantes. Não há incidência de Imposto de Renda, nem contribuição previdenciária sobre esse tipo de retirada. Dependendo do tipo de empresa, se é lucro real ou presumido, a isenção sobre os dividendos está condicionada a um limite. E, se não houver lucro, não há retirada, obviamente.

PLANO DE CONTAS CONTÁBIL

Os relatórios da sua empresa entregam os resultados com clareza? Otimize suas análises comum um bom plano de contas!

Não pensar na estrutura adequada para os relatórios é um erro que muitas empresas cometem. Contudo, só percebem quando os relatórios de desempenho fornecem uma visão simplista ou distorcida do resultado do negócio. É como plantar laranja mas querer colher abacate.

o plano de contas é uma relação de códigos e classificações usada para o registro das entradas e saídas financeiras de uma empresa e deve ser estruturado tanto de acordo com as normas e leis quanto com a necessidade da empresa.

Não existe uma receita para estruturar um plano de contas contábil, é necessário identificar algumas características. Como regra, o plano de contas é dividido em quatro grandes grupos: Ativo, Passivo, Receitas e Despesas. Os dois primeiros grupos correspondem às contas patrimoniais da empresa, e os dois últimos, às contas de resultado.

Quem trabalha com os lançamentos contábeis sabe para que serve cada conta, o que pode e deve conter, além de outras informações essenciais, para que o resultado final atenda às necessidades da empresa.

Ao ler esse post, você pode ter identificado a necessidade de reavaliar a estrutura dos seus relatórios. Entre em contato com a gente e saiba mais!

Você possui CONTROLE sobre a situação orçamentária da sua empresa?

Em momentos como esse de crise, quem realiza um planejamento orçamentário consegue identificar com mais facilidade as oportunidades de redução e otimização de gastos, enfrentando um cenário desafiador de forma sustentável e saudável.

A participação dos gestores neste processo, é o que chamamos de orçamento colaborativo por não ser planejado apenas elaborado pelos diretores e sócios da empresa.

O gestor, ao elaborar o orçamento deve prever as receitas e as despesas que terá no futuro para planejar onde, quando e quanto de dinheiro será necessário para alcançar seus objetivos em cada período. Isso se trata de gestão orçamentária.

CONFIRA 3 SINAIS DE QUE A SUA EMPRESA PRECISA DA CONTABILIDADE GERENCIAL PARA REALIZAR A GESTÃO ORÇAMENTÁRIA:

– Gastar mais do que recebe, ocasionando problemas de liquidez;

– Não honrar com pagamentos de terceiros no futuro, risco de endividamento;

– Perder lucratividade ao longo do período.

– Não possuir fundo de emergência para períodos de crise

Você se identificou com algum desses fatores?

Vale ressaltar que a participação de todos da equipe é importante no desenvolvimento do orçamento empresarial, pois fornece uma visão geral da saúde financeira de empresa, e torna a equipe engajada em torno do planejamento empresarial.

Impostos com prazos prorrogados! Confira

Você sabia que os prazos para pagamento de impostos para a modalidade Simples Nacional, a nível federal, foram prorrogados?

Mas fique atento: os tributos PARCELADOS (SIMPLES) e os impostos estaduais e municipais (ICMS E ISS) não foram prorrogados!

Criamos um mini calendário tributário para você estar atento aos novos prazos federais. Obter um planejamento tributário é a melhor forma de estar sempre um passo a frente quando falamos sobre a vida financeira de uma empresa.

Manda esse post para aquele amigo que também é da modalidade Simples Nacional!

Será que a sua empresa está pagando imposta a mais?

São tantos tributos e tantas modificações legislativas que é fácil fazer confusão e acabar pagando impostos a mais ou com valores que não são mais condizentes com a realidade.

Confira duas dicas que vão ser úteis para você ficar atento se há algum crédito tributário a recuperar:

Verifique no seu portfólio se há algum produto com benefício tributário. Geralmente, as empresas do ramo da indústria e comércio possuem um vasto portfólio de produtos, e por isso devem redobrar a atenção neste quesito. Da mesma forma, empresas que possuem produtos destinados às necessidades básicas da sociedade – como a saúde – também devem ter máxima atenção sobre a legislação específica.

Revise se estão corretas as bases de cálculo, alíquotas e apurações dos impostos. Atenção nunca é demais. Lembre-se sempre de pedir para que o profissional técnico de sua empresa se paute na legislação vigente e as do compliance tributário.

Obter um planejamento tributário e uma empresa que o execute é a maneira mais segura de se manter em dia com as obrigações fiscais.